Taioba

.

A taioba é uma planta de folhas grandes que é cultivada e consumida especialmente na região de Minas Gerais, e que é rica em nutrientes como vitamina A, vitamina C, cálcio e fósforo.

Em outras regiões ela também conhecida como orelha-de-elefante, mangarás, macabo, mangará-mirim, mangarito, mangareto, taiá ou yautia.

Em geral, a taioba é utilizada na culinária em pratos de saladas refogadas, preparando-a da mesma forma que a couve manteiga, mas também pode ser adicionada em sucos verdes e sopas detox. Dentre os seus principais benefícios, estão:

1. Melhorar o trânsito intestinal

2. Melhorar a visão

3. Atuar como antioxidante

4. Prevenir a anemia

5. Prevenir osteoporose

Por ser rica em cálcio e fósforo, a taioba é uma excelente fonte de nutrientes para mantes os ossos fortes, prevenindo problemas como osteoporose, que aparece principalmente em idosos e em mulheres após a menopausa.

Além disso, esses minerais também são importante para manter a saúde dos dentes e para se ter uma boa contração muscular, melhorando a força e favorecendo o bom funcionamento do coração.

A taioba pode ser incluída em saladas refogadas, sucos verdes, recheios de pizzas, crepes e bolinhos, e pode ser acrescentada em sopas e vitaminas para trazer um maior valor nutritivo pra refeição.

Ela tem um sabor parecido com o do espinafre, mas é mais leve e mais fácil de encaixar em diversas receitas, mesmo para crianças e adultos que não costumam gostar de vegetais.

Funções: Boa para a pele, cabelos e unhas. Previne câimbras. Ajuda a fortalecer ossos e dentes. Importante para o bom funcionamento do intestino.

Os talos da taioba podem ser utilizados no preparo do arroz, farofas, sopas e refogados.

Antes de picar, basta retirar a película dos talos com o auxílio de uma faca.

Componentes Nutritivos: Possui vitaminas C e do complexo B, potássio, ferro, fósforo, cálcio e fibras.