Maça Fuji

.

Nome científico: Malus Communis

O nome desta Maçã vem de Fujisaki. No entanto, costuma-se confundir o origem deste nome, acreditando-se que vem de Monte Fuji.

A Maçã Fuji foi desenvolvida por cultivadores da Estação de Pesquisa de Tohoku em Fujisaki, no Japão, no final da década de 1930, e começou a ser comercializada em 1962.

Além disso, a Maçã Fuji é o fruto resultante do cruzamento entre as variações da Maçã Red Delicious e a Maçã Ralls.

Elas são facilmente encontradas no Brasil e possuem um tamanho bem avantajado.

A Maçã Fuji é uma Maçã sumarenta, firme, crocante, de textura fina e sabor picante, alto teor de açúcar e baixo teor de acidez.

A casca varia entre o verde-amarelado com manchas vermelhas e o vermelho vivo.

Um pouco ácida, essa maçã vai bem com salada de frutas, sobremesas e geleias.

Ao comprar a maçã, escolha as que estão brilhantes, pesadas com a polpa firme e sem partes moles ou furos. Nessas condições ela se mantém na geladeira por até 30 dias.

Curiosidades: a maçã fuji contém potássio, fósforo, cálcio, fibra. O consumo freqüente dessa fruta previne a úlcera, ajuda a controlar os níveis de colesterol e glicose no sangue.