Cará

.

O cará é uma herbácea cultivada principalmente em regiões tropicais e subtropicais, como em países da América do Sul, Austrália, sudeste dos Estados Unidos e alguns países da Oceania e África.

Muitos confundem o cará com o inhame. Tal confusão é normal, já que ambos são muito parecidos, mas pertencem a famílias diferentes. O inhame pertence a uma família de alimentos chamada de Diascoreácea, que apresenta 9 gêneros e cerca de 1000 espécies. O cará é apenas uma dessas espécies, conhecida como Dioscorea alata.

Devido a suas diversas variedades, o cará pode apresentar várias cores e texturas. Abaixo, daremos algumas dicas de como diferenciar o cará de espécies muito parecidas.

  • Raíz: A raíz do cará é comestível e carnuda, contendo altas quantidades de proteínas e carboidratos.
  • Cor: O cará tem uma cor bem viva de lavanda brilhante com raízes carnudas brancas. Por dentro ele pode ser branco, amarelo ou roxo, dependendo da variedade do vegetal.
  • Sabor: O sabor do cará é de um doce bem suave.
  • Cheiro: O cará apresenta um cheiro que lembra o da canela.
  • Textura: A textura do alimento é áspera e pode apresentar diversas formas, mais redondas ou mais alongadas, dependendo da variedade.

Funções: Tem grande poder energético (é essencial na alimentação daqueles que gastam muita energia). Estimula o apetite, o crescimento e auxilia o processo de digestão. Contribui para regular o sistema nervoso. Combate o estresse.

É rico em carboidratosde fácil digestão.

Possui também vitaminas do complexo B, cálcio, fósforo, ferro e potássio.